Ibiajara entardeceu vermelha

Aos 11 dias do mês de setembro, nosso saudoso distrito de Santa Maria do Ouro (Ibiajara), foi marco para um memorável evento do grupo político liderado por Valtinho e Clériston. Ibiajara foi tomada por um mar vermelho formado por pessoas livres que encheram o peito para gritar pela liberdade de nosso município, pelo direito ao voto livre e pela esperança de dias melhores.

O evento contou com a participação dos candidatos a vereadores Lete, Noga, Nengo, Serrote, Carlinhos, Lourival, Gil de Gerson, Boy e Hernado, lideres político Alvino da Varzinha, Joaquim do Café, Raniel Nardes, Dede de Ibiajara, Bado, Vado, Aparecido, Chico da Placa e Helio Macêdo.

Fizeram uso da palavra nossos candidatos a prefeito e vice que enalteceram sua vontade de governar Rio do Pires e trazer à prosperidade e o desenvolvimento para a vida de nosso povo sofrido pelos percalços das gestões anteriores. 

O evento ficou marcado pelos milhares de pessoas que compareceram e demonstraram seu desejo de mudança, seu desejo de melhora para nossa estimada cidade.

Podemos concluir com absoluta certeza de que o caminho da vitória, da prosperidade de nosso povo, do despertar das trevas da corrupção, e de um caminho juntos onde todos e todas tenham direitos iguais,  tem nome, e esse nome é  VALTINHO E CLERISTON




Vejam as fotos aqui.

Rio do Pires: Festa da Democracia

Aos 27 dias do mês de agosto foi realizada uma caminhada na cidade de Rio do Pires organizada pela coligação Rio do Pires é de Todos Nós.

Fizeraram-se presente o candidato a Prefeito Valtinho (PT) e a Vice Prefeito Cleriston (PSD) e os candidatos a vereadores Boy de Zé Roque, Lete de Val, Noga, Nengo, Lourival Nunes, Hernando da Serra, Carlinhos de Dasio, Gil de Gerson e Serrote.

A tarde deste sábado entrou para história política de Rio do Pires como o dia em que nossa estimada população deu uma festa em democracia e liberdade de voto, em meio a milhares de pessoas de cabeça erguida e com o grito na garganta “queremos mudança” “queremos renovação” encheram as ruas de rio do pires em uma passeata pacífica e harmoniosa.

Liderados pelos nossos afamados candidatos Valtinho e Cleriston, a multidão se dirigiu a Praça Ângelo Marques Filho, onde foi realizado um comício no qual os mesmos explanaram suas propostas de governo dentre elas as mais ovacionadas pelo povo, sigurança hídrica como construção de barragens e limpezas das já existentes e reforma da saúde municipal com ênfase na melhoria do hospital de Rio do Pires como aquisição de aparelhos de RX, Ultrassonografia, eletrocardiograma e carrinho de parada com desfibrilador

Fizeram uso da palavra também nossos candidatos a vereadores que em breve discurso ressaltaram a necessidade iminente de mudanças em nossa cidade e a necessidade de formação de uma câmara legislativa que trabalhe em consonância com a gestão municipal em prol de uma cidade onde seus cidadãos tenham qualidade de vida.

Ao fim deste memorável evento, a população satisfeita retornou as suas comunidades convictas na vitória daqueles que mesmo sem exercer cargo político já tem trabalhado tanto em benefício de nosso povo sofrido. Estes que formam a chapa da vitória a chapa da esperança do desejo de mudança, Valtinho e Cleriston.








Termina hoje (15), às 19h, o prazo para que partidos e coligações apresentem o pedido de registro de candidatura dos escolhidos para concorrer às eleições deste ano. O pleito será realizado em outubro e a população vai eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Na manhã de hoje 4.998 candidatos estavam registrados para o cargo de prefeito, 4.966 para o de vice-prefeito e 135.706 para o de vereador em todo o país. Os números estão no Sistema de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais (DivulgaCandContas), que pode ser acessado no site do Tribunal Superior Eleitoral  (TSE). A Justiça Eleitoral estima que o número de candidatos nas eleições municipais de 2016 fique entre 530 mil e 580 mil.
Fonte: Politica Livre
Por volta das 11:00 Hs da manhã desta quinta-feira (11), quatro assaltantes entraram no supermercado oliveira no centro de Inúbia no município de Piatã na Chapada Diamantina, todos os quatros assaltantes bem  armados. Em um palio prata, anunciaram o assalto e renderam a proprietária do supermercado e os funcionários,  que ficaram na mira das armas dos assaltantes  por cerca de 4 minutos  e levaram todo o dinheiro dos caixas, não temos informações da quantia roubada.

O que impressiona  é a rapidez com que o assalto foi realizado. Toda a ação levou apenas quatro minutos para ser realizada. Depois do assalto, os quatro saíram como se nada tivesse acontecido.

Até o fechamento dessa matéria a policia não havia chegado em inúbia para registrar a ocorrência.

Inúbia News

: Foram R$ 10 milhões de caixa dois para o PMDB de Michel Temer, em 2014, segundo a Veja, e R$ 23 milhões para o PSDB de José Serra, em 2010, segundo a Folha.
Estas são, em  resumo, as grandes novidades das delações da Odebrecht publicadas pela imprensa neste final de semana de largada da Olimpíada do Rio, na reta final do processo de impeachment de Dilma Rousseff.
Dois anos e cinco meses após a deflagração da Operação Lava Jato, as investigações chegam ao PMDB e ao PSDB, os dois grandes partidos que, ao lado do PT, denunciado desde o início, se revezam no comando da política brasileira desde a redemocratização do País.
No mesmo lote de novas delações, a maior empreiteira nacional citará a presidente afastada Dilma Rousseff que, segundo o marqueteiro João Santana, não só sabia, como coordenava a arrecadação de caixa dois para as suas campanhas.
O ex-presidente Lula, também citado em outras delações, já enfrenta meia dúzia de processos em Brasília, São Paulo e Curitiba.
Pelo andar da carruagem, ao final desse processo não restará ninguém para contar a história e acusar os adversários por corrupção, e nenhum líder político de expressão sobreviverá para reformar e reconstruir o apodrecido sistema político-partidário brasileiro a partir de 2018.
O cenário é de terra arrasada.
Os grandes partidos e as grandes empreiteiras nacionais saem destruídos desta guerra sem vencedores, que arrasou a nossa economia e instalou uma crise política sem precedentes e sem data para acabar.
Os maiores derrotados somos todos nós, cidadãos-contribuintes, assaltados por esta promíscua aliança público-privada, que gerou aumento da inflação, queda do PIB e um crescente deficit fiscal.
Em tenebrosas transações, agora reveladas, roubaram até a nossa esperança, e nos deixaram sem perspectivas de dias melhores, até onde a nossa vista alcança.
Peço desculpas aos leitores, pois sei que não é agradável tratar destes assuntos em pleno primeiro domingo olímpico, mas é a nossa triste realidade.
Vida que segue.
Fonte: Brasil 247
: Sem ser citado nem pelo presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, o presidente interino Michel Temer (PMDB) foi alvo de uma sonora vaia nesta sexta (5) durante a abertura das Olimpíadas do Rio; o protesto contra Temer tomou conta do Maracanã já ao final do evento, quando ele foi ao microfone anunciar que os Jogos Olímpicos estavam oficialmente abertos; a fala do interino não durou dez segundos.

O presidente interino Michel Temer (PMDB) foi alvo de uma sonora vaia nesta sexta-feira (5) durante a abertura das Olimpíadas do Rio. O protesto contra Temer tomou conta do Maracanã já ao final do evento, quando ele foi ao microfone anunciar que os Jogos Olímpicos estavam oficialmente abertos.
Mais cedo, a blindagem ao interino Michel Temer, alvo de protestos no Rio de Janeiro e em São Paulo nesta sexta, motivou uma quebra de protocolo na Rio 2016. Temer não foi anunciado ao lado de Thomas Bach, presidente do Comitê Olímpico Internacional.
O protocolo previa a apresentação da dupla, mas apenas o segundo teve seu nome chamado ao microfone.
Atos documentados por Valter José de Oliveira (PT)expõem que, desde o ano de 2004, a luta diante da Coordenação do Comitê Gestor Estadual do Programa Luz para Todos, deu início aos Projetos de Eletrificação Rural das  comunidades: BARAUNINHA / LAGOA GRANDE / TAMBORIL/ CAINANA e BARRIGUDA no município  de Rio do Pires. Foi autorizado pelo ex-secretário da Secretaria de Infraestrutura Dr. Otto Alencar, no ano de 2011, no valor de R$ 1.327. 879, 12, para atender 111 residências. Infelizmente, por motivos burocráticos, não foi realizada.

Por indignação e por revolta, Valtinho e Clériston em reunião com Silvano Ragno, Superintendente de energia, e em conversa franca e direta com o governador Rui Costa no dia 09 de junho de 2016, os mesmos garantiram a implantação e execução da Obra, na sexta-feira, foi confirmada pela Coelba que iniciará no mês de agosto de 2016, sem prorrogação de data.
                      
O Líder político Valter concede ainda um balanço da obra a ser realizada nas localidades acima mencionadas do Programa LUZ PARA TODOS, no qual beneficiará
109 famílias trazendo benefícios a todos, tirando milhares de pessoas da escuridão e melhorando as  condições de vida do povo da região. Todo Projeto e realização da mesmacustará um investimento no valor deR$ 2.279.643,28.  A comunidade aguarda agora a implantação e execução da Obra.

Vale salientar que a conquista de execução da Obra de eletrificação citada, exigiu do líder político muito empenho e esforço, pois o mesmo conhece o drama vivido por todos moradoresda região.

Aos 31 dias do mês de julho foi realizada a Convenção Partidária onde ficou confirmada a candidatura de Valtinho ao cargo de prefeito e Cleriston a vice-prefeito no Município Rio do Pires.

O evento contou com a participação dos líderes partidários como: Yolete Nunes de Oliveira (PT), Agnaldo Ramos Pina (PSD), Getúlio Oliveira Silva (PSC), Joaquim Emídio dos Santos (PTN) e Helio Domingues de Macedo (PHS), líderes políticos, Vereadores e candidatos a Vereadores, Lourival, Carlinhos, Noga, Lete, Boy, Nengo, Hernando, Serrote, Gil de Gerson, Margarete, Diana e Irani Correia, assim como, os afamados Valtinho e Cleriston que com a força do povo concorrerão a chapa de Prefeito e Vice Prefeito.

Em cumprimento às Leis Eleitorais vigentes neste ano político de 2016, não foi realizado movimento popular, já que Valter e coligação tomaram todo cuidado em prezar pelo fiel cumprimento da Carta Magna que rege o país. É realidade entre nossa população riopirense, que não existe Política sem legalidade, sem integridade e os ditos candidatos se mantiveram atentos e solícitos a todas exigências legais.

Contudo, não se pode dizer o mesmo da coligação opositora, liderada por Vânio, Dey e Gildásio, que sem nenhum temor, agiram em desencontro com a lei, violando as recomendações da Comarca de Paramarim. Os mencionados forneceram transporte à pessoas que se encontravam impossibilitadas de se dirigirem até a sede, e, fizeram passeata pelas ruas da Cidade. Frente a tanta falta de respeito às Leis vigentes, o questionamento sobre se o grupo liderado por Vânio tem reais condições de governar a amada Rio do Pires vem a tona, uma vez que, não exitaram em atropelar a Constituição Eleitoral.



Fotos da Convenção que confirma Valtinho e Cleriston como candidatos à sucessão municipal.
Uma adolescente de 13 anos caiu de um prédio na tarde da última quarta-feira (27) por volta das 16h20, na Rua José Ferreira Rocha, no bairro Morada dos Pássaros III, em Vitória da Conquista, na região Sudoeste da Bahia. Conforme informações de testemunhas, a garota estava consciente, porém estava muito abalada com a queda devido ao forte impacto e sangrando pela boca. Devido ao acidente ela estava tendo dificuldades de fazer movimentos e estava sentindo muitas dores. A todo instante ela chorava e dizia que iria morrer. Socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionados e prestou atendimento a vítima que foi encaminhada para uma unidade de saúde mais próxima para receber atendimento médico especializado. As circunstâncias da queda da menina não foram esclarecidas.
Fonte: L12.com.br
“O meu sonho é ver a agricultura familiar tendo renda. É ver os filhos dos agricultores com desejo de se qualificar e voltando a produzir no campo, realimentando essa cultura de amor pela terra. No que depender de mim, vamos construir juntos uma agricultura familiar forte, com inclusão social, renda e educação no campo”. Rui reafirmou a parceria com os movimentos sociais durante evento do Fórum Baiano da Agricultura Familiar (FBAF), realizado na tarde desta quarta-feira (27), no Centro de Formação da Secretaria de Desenvolvimento Rural, no bairro de Itapuã, em Salvador.

O governador ainda ressaltou que um governo não constrói nada sozinho. “Somos nós que vamos construir e implementar uma política voltada para a agricultura familiar. Precisamos identificar o que falta, por exemplo, para que muitos agricultores familiares recebam seus títulos de terra. Eu não enxergo o desenvolvimento da Bahia sem incluir a agricultura familiar”. Ele informou que estão sendo aplicados, até 2018, R$ 1,5 bilhão apenas em fomento para a agricultura familiar. “São R$ 700 milhões do Banco Mundial, por meio do Bahia Produtiva, e R$ 300 milhões do Fida [Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola da Organização das Nações Unidas], e ainda há mais recursos de outras fontes, como do Fundo Combate à Pobreza e do governo federal.  O trabalho agora é fazer com que todas as ações sejam sustentáveis e duradouras, de fôlego longo, que estruture a agricultura e capacite o homem do campo para produzir mais e melhor”.

Rui também falou sobre a necessidade de se otimizar os recursos que estão aplicados na área.  “Pedi à Secretaria de Desenvolvimento Rural, por exemplo, que identificasse o número de casas de farinha que foram entregues e estão sem funcionar, muitas construídas em governos passados. Somos de cooperativas e entidades. Vamos construir juntos esse efeito dinâmico e levar desenvolvimento para a agricultura familiar”, disse.

Com o tema “O Campo com Gente e com Direitos”, o encontro reuniu cerca de 350 agricultores e agricultoras familiares de todos os 27 territórios de identidade do estado, com o objetivo de dar visibilidade às iniciativas do setor, com enfoque na sustentabilidade e na importância para a economia nacional. “É preciso replicar essa reunião em outras regiões do estado para fortalecer o movimento e compartilhar as boas práticas", destacou Rui. O evento integra a programação em comemoração ao Dia Nacional da Agricultura Familiar, celebrado na última segunda-feira (25). Na ocasião, o governador ainda recebeu uma carta com as principais demandas do segmento.


O FBAF é composto pelas principais organizações, entidades e movimentos sociais representativos da agricultura familiar e reforma agrária do estado.
Secom  - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia
Uma operação da Polícia Civil coordenada pelo Delegado João Kléber Bittencourt Trindade foi cumprido nesta quarta-feira (27) onde foram cumpridos três mandados de busca nos bairros Estocada, Piçarrão e Centro, em Livramento de Nossa Senhora. Durante ação policial foi realizado a apreensão de um caminhão Ford F-4000 com chassi e motor adulterados, um caminhão caçamba Mercedes Benz, placa BHB 7278, também com indícios de adulteração no motor e chassi do veículo.  Ao realizar revista foram encontradas ainda peças de um veículo Fiat Strada, uma grande quantidade de placas de veículos, ferramentas e documentos.  Mediante evidências foi realizada a prisão do suspeito identificado como Gilson Miranda Lima, mais conhecido como ‘Gordo Lima’, de 39 anos pelos. Ainda segundo a polícia, ‘Gordo Lima’ foi novamente detido após ter sido autuado em flagrante por receptação, na Delegacia Guanambi, na última segunda-feira (25). Participaram dessa operação policiais civis dos municípios de Paramirim, Presidente Jânio Quadros e Rio do Antônio.
Fonte: L12.com.br
:
A cerca de um mês da votação final do processo de impeachment no Senado, o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, se diz em seu momento de maior otimismo de que o resultado no Senado e, portanto, o afastamento da presidente Dilma Rousseff será revertido.
"A situação não é mais a mesma de um mês atrás. Evoluiu muito a tese da defesa da democracia, a tese de que se trata de um golpe. A população não quer golpe, a população não quer [Michel] Temer", enfatizou, em entrevista ao 247 por telefone. "Nunca tivemos tanta certeza, nunca estive tão otimista em relação a isso. Tenho certeza que ela vai voltar ao seu cargo e a democracia será restabelecida", completou.
Ele anunciou para agosto uma "retomada" das manifestações de rua contra o impeachment e contra a retirada de direitos dos trabalhadores pelo governo interino. Questionado se não houve um momento de paralisação dos protestos desde que Temer assumiu o Planalto, ele explicou que não há como "fazer uma manifestação atrás da outra, senão há um refluxo do movimento".
"Não dá para ter protesto o tempo inteiro, mas no mês do impeachment haverá muita manifestação", anunciou. Segundo ele, há atos articulados pela CUT marcados para os dias 5, 9 e 20 de agosto, sem contar a grande manifestação do dia 31 de julho, organizada pelo MTST. "Nós vamos derrotar o Temer, os golpistas, a corja da mídia tradicional, esse golpe horroroso. Não vamos permitir que isso aconteça", ressaltou. "Vamos tomar as ruas de vermelho".
Segundo Vagner Freitas, vem sendo feita uma articulação junto aos senadores indecisos em relação ao impeachment para que eles "não votem pelo golpe". Ele afirma ter "certeza" de que a presidente terá os seis votos necessários para a reversão de seu afastamento. "Nunca estive tão otimista quanto à nossa vitória. Os senadores [que votarem pelo impeachment] vão ter suas vidas manchadas politicamente como golpistas. Vamos fazer de tudo para isso", afirmou.
Greve geral

Segundo Vagner Freitas, está sendo construída ao mesmo tempo, entre as maiores centrais sindicais do País, uma greve geral contra a retirada de direitos pelo governo interino. Anúncios recentes de medidas como tempo maior para aposentadoria ou a reformulação da CLT foram motivos para que as centrais se unissem, inclusive as que não são de esquerda, como a UGT e a Força Sindical, de Paulinho da Força (SD).
"Essa unidade nos dá a possibilidade de lutar contra o golpe. Você fortalece a luta contra o golpe", analisou. "Estamos construindo a greve geral, ela nasce como uma reação dos trabalhadores ao que o patrão faz. Nesse momento estão mandando proposta para o Congresso que retira benefícios. O trabalhador vai para a rua, sim. A motivação da greve geral é a retirada de direitos. A greve se consolidará a partir disso, a partir da resistência", disse.


Sobre possibilidade de negociar com o governo interino, rechaçou com firmeza: "De maneira nenhuma, a CUT não negocia com golpista. Nós não reconhecemos golpista. Nós vamos derrubá-lo com a força do povo. O golpe não é contra Dilma, ela também foi um alvo, mas o golpe é contra os trabalhadores". "A gente vai negociar, sim, vai negociar com a presidenta Dilma, que vai voltar a exercer o mandato", acrescentou.
Fonte: Brasil 247
Um homem identificado como Emanuel da Cunha Lopes, 30 anos, foi encontrado morto, com uma cobra sucuri enrolada em seu corpo, às margens de um córrego, no fim da tarde de quarta-feira (01), na cidade de Formosa da Serra Negra, há 481 km de São Luís do Maranhão.
Moradores que presenciaram o incidente, disseram que quando chegaram ao local, viram a cobra enrolada ao corpo da vítima. A cobra depois de tê-lo matado com seu aperto fatal, já estava prestes a engolir o rapaz. Ao se aproximarem, com golpes de paus e outros objetos, moradores da localidade, conseguiram matar a serpente, mas infelizmente o homem já estava sem os sinais vitais.

Ele foi morto por asfixia pela força do animal. O inusitado caso, que chocou toda a população, antes só imaginada em histórias de pescadores, tragicamente tornou-se real, para infelicidade da vítima.
Viatura da 46ª CIPM capota na BA-152 entre Paramirim e Livramento de Nossa SenhoraNa manhã desta terça-feira (26), uma viatura do Pelotão de Emprego Tático Operacional, da 46ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), capotou na BA-152, na estrada de Paramirim para Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste baiano. Segundo informações obtidas pelo site Brumado Notícias, dois policiais militares, Ramon Mascarenhas Cairo e Luan Nascimento Cruz, estavam no veículo no momento do acidente. O Samu 192 prestou os primeiros socorros e encaminhou as vítimas ao hospital mais próximo. Um deles sofreu danos na coluna e está em observação. O acidente teria sido provocado por um caminhão, que tentou uma ultrapassagem indevida. O caso está sendo investigado.
Desde a madrugada, moradores tentam impedir a ação fazendo barricadas. Ex-senador e ex-secretário de Direitos Humanos de São Paulo sentou no chão para impedir avanço de policiais contra moradores
supla.jpg
O ex-senador Eduardo Suplicy (PT-SP) foi detido na manhã de hoje (25) pela Polícia Militar, durante protesto contra a reintegração de posse de aproximadamente 450 famílias da ocupação Terra Pelada, no Jardim Raposo Tavares, zona oeste da cidade de São Paulo. O também ex-secretário de Direitos Humanos da prefeitura de São Paulo sentou-se no chão para impedir o avanço da PM contra os moradores e foi carregado por quatro policiais, que o prenderam por obstrução de Justiça e desobediência. Ele foi levado para o 75º Distrito Policial, no Jardim Arpoador.

A reintegração teve início na madrugada de hoje e está sendo realizada com truculência. A PM já se utilizou de bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha. Os moradores alegam não ter para onde ir e protestam desde cedo contra a ação, montando barricadas e queimando pneus. Um ônibus foi apedrejado no local.

A área pertence à prefeitura de São Paulo, que alega ter solicitado a reintegração de posse porque o local oferece risco aos moradores, por ser um barranco. A administração municipal informou que os moradores foram cadastrados em programas habitacionais e vão receber auxílio-aluguel. A autorização para o despejo foi concedida pela 9ª Câmara de Direito Público do tribunal de Justiça de São Paulo.
A Tropa de Choque chegou ao local por volta das 8h. Uma retroescavadeira chegou a ser usada para retirar as barricadas feitas pelos moradores. Pelo menos cinco linhas de ônibus na região pararam de circular devido à ação da PM e aos protestos.

Segundo a decisão da 9ª Câmara de Direito Público, que determinou a reintegração de posse, o local apresenta alto risco de deslizamento, por ser região de encostas. Um parecer da Defesa Civil aponta que as construções na área são precárias e aumentam os riscos de desabamentos e até mesmo de incêndio. "Há ainda muito lixo e entulho no local, bem como árvores queimadas e visível dano ambiental", diz a avaliação.

Os manifestantes afirmam que já realizaram inúmeras reuniões com a subprefeitura do Butantã sobre o terreno, que tem 11 mil metros quadrados, mas não chegaram a um acordo. A todo, 350 famílias foram cadastradas pela subprefeitura para programas habitacionais em 2013, mas o número já aumentou para 450. Segundo os moradores, as famílias não têm para onde ir.

A Marcha Mundial das Mulheres está recolhendo doações de roupas, alimentos e remédios para as famílias que vivem na ocupação. O local de entrega é o Centro Educacional Unificado (CEU) Uirapuru, na Rua Nazir Miguel, 849, Jardim Paulo VI, zona oeste.